7 Dicas para você programar seu futuro e sua aposentadoria

7 Dicas para você programar seu futuro e sua aposentadoria

Todo mundo deseja um futuro tranquilo e seguro. A aposentaria é, por enquanto, a renda mais utilizada por brasileiros para se manterem após alguns anos dedicados a sua profissão. Infelizmente, não são todas as pessoas que se preocupam desde cedo com esse tipo de renda. São, justamente tais brasileiros, que têm mais dificuldade no futuro de manter suas contas em dia e até mesmo viver bem. A estabilidade financeira é possível tendo apenas a sua aposentadoria como renda. Contudo, a organização é o maior segredo. Por esse motivo que queremos conversar com você sobre formas de se programar para o futuro. Mostraremos algumas dicas para você se organizar financeiramente e poder curtir a terceira idade sem dificuldades. Entenda melhor a seguir. 1 – Saiba como quer que seja o seu futuro Qualquer planejamento que você traça precisa de um objetivo. É a partir dele que você saberá o que precisa para concretizar os seus sonhos e viver com mais tranquilidade no futuro. Sendo assim, defina se você quer chegar na terceira idade já com sua casa própria, com carro próprio, quanto quer ter de renda por mês e, por último, quanto tempo e investimento você precisa para garantir isso. Evite assumir qualquer tipo de gasto ou fazer investimentos sem um planejamento eficiente. Nada de ir pelo impulso. Até mesmo saber o momento certo para se aposentar faz muita diferença. Muitas pessoas alcançam o limite de idade permitido por lei, mas continuam prestando serviço às suas empresas apenas para garantirem uma estabilidade maior. 2 – Já é tempo de começar a se planejar para a aposentadoria Jamais pense que a...
7 Dicas para você usar melhor o Cartão de Crédito e não acumular dívidas

7 Dicas para você usar melhor o Cartão de Crédito e não acumular dívidas

Ter um cartão de crédito ajuda bastante nas finanças da casa. É aquele suporte financeiro para realizar compras parceladas em valores que não pesam tanto no orçamento. Também, a saída para aquele dinheiro emergencial no final do mês em que as contas apertaram. Infelizmente, o cartão de crédito também é o grande responsável pelas dívidas da maioria das pessoas negativada nos órgãos de proteção ao crédito. Com um pouco de atenção e cuidado dá para utilizar melhor os seus cartões e ter sempre as contas em dia. Quer saber como? Listamos sete dicas práticas para você! Confira. 1 – Tenha um planejamento financeiro Se você não planeja as suas contas, a probabilidade de ter saldo negativo no final do mês é grande. Isso faz com que dívidas sejam acumuladas de um mês para outro e, automaticamente, alguma deixe de ser paga. Além de falhar com o pagamento da fatura do seu cartão de crédito, o pagamento mínimo, que sempre é disponibilizado pelas administradoras, só aumenta mais as suas dívidas com o banco. Sendo assim, o primeiro passo é ter um planejamento financeiro organizado e criterioso para que suas contas nunca falhem. Dessa forma, será possível utilizar o cartão de crédito com mais tranquilidade e segurança. Uma boa forma de fazer isso é através das planilhas de orçamento que são bem práticas e fáceis de movimentar. Se você não tem um computador ou não quer utilizar esse mecanismo, pode ter um caderno de anotações apenas para essa finalidade. O segredo é simples: você não deve comprometer mais do que 50% do seu salário com contas fixas. A soma dessas com...
Saiba como um corretor pode te ajudar a economizar na contratação de seguros

Saiba como um corretor pode te ajudar a economizar na contratação de seguros

Você pode até não saber, mas um corretor de seguros faz muito mais do que apenas vender planos. Todo mundo recorre a diversos tipos de seguro em algum momento da vida. Os tempos são de incerteza econômica, e isso faz com que muito mais gente procure formas de se manter tranquilo para o futuro. Seja com o carro, a casa, equipamentos tecnológicos ou para a família, é cada vez mais comum se informar sobre o assunto e buscar segurança. Mas, depois de escolher o que é mais adequado para você e contratar o seguro com o corretor especializado, existem outras maneiras de continuar contando com a ajuda dele. O trabalho não termina apenas ao oferecer e vender o plano… ele ainda pode fazer muito para você. Entenda como. Ajuda a economizar no seguro É essencial que você use os serviços do corretor de seguros para conseguir extrair o melhor dos planos disponíveis. Todo o processo de negociação se baseia em uma entrevista da seguradora com o contratante, para aí avaliar as melhores possibilidades caso a caso. Após a entrevista, o corretor apresentará os planos e você pode retirar o melhor que puder do profissional para não pagar mais do que precisa – e também para não deixar de contratar serviços que seriam ideais para você apenas por economia. É difícil ter todas as informações suficientes para saber as reais necessidades e detalhes das apólices dos planos de seguros. Por isso, o corretor é fundamental para explicar cada item e o cliente entender exatamente o que precisa e qual(is) a(s) melhor(es) alternativa(s). Ajuda a gerenciar as apólices Os seguros e/ou...
5 Coisas que você precisa ficar Atento na hora de contratar um Seguro

5 Coisas que você precisa ficar Atento na hora de contratar um Seguro

Você sabe o que levar em consideração na hora de contratar um seguro? Seja ele de carro, moto, vida, saúde, entre outros serviços, alguns pontos são fundamentais e decisivos neste momento. Dessa vez, preparamos um post com cinco dicas que servirão como um check list para você analisar se a empresa que está contratando e o serviço que escolheu é, de fato, o melhor para você. Confira. 1 – Observe a segurança dos serviços prestados Mesmo que seja uma seguradora indicada por um amigo ou parente, observe se a prestação dos serviços que você contrata é segura e eficiente. Isso evita problemas bem comuns, como precisar do seguro e descobrir que a empresa não atende em determinada área, hora ou ocasião. Converse bastante com o corretor, pergunte o máximo que puder e, se for possível, converse com outros clientes. É bom também sempre analisar os órgãos de defesa do consumidor para saber se há queixas sobre a empresa, ou o site Reclame Aqui para saber se ver algum registro online e como o caso foi solucionado. 2 – Valor da mensalidade e reajuste Por lei, todo contrato de serviço prestado precisa ser bastante detalhista quanto às cobranças de mensalidade e periodicidade de reajuste. Isso evita que você contrate um seguro hoje por um valor e descubra em poucos meses que ele não é mais aplicável. Esses casos são mais comuns do que você imagina e fica aquela insatisfação e/ou inadimplência por parte do cliente. Caso não tenha a discriminação das mensalidades pelos próximos 12 meses, peça que a empresa emita um documento extraoficial com tal informação. Anexe ao seu...
O que fazer em caso de acidente de automóveis envolvendo danos materiais e pessoais

O que fazer em caso de acidente de automóveis envolvendo danos materiais e pessoais

Você sabia que a média de acidentes de trânsito, somente aqui no Brasil é a maior da América Latina e a quarta maior do mundo? Os dados são de uma pesquisa da Organização Mundial de Saúde, e mostra o quanto estamos vulneráveis, por mais que sejamos prudentes na direção. Os acidentes envolvendo veículos não estão fora de cogitação e esse é um risco real e bem presente nas vias do Brasil. Sabemos também que, por mais que você saiba que é preciso buscar suporte para resolver o problema, o nervosismo do momento não deixa que isso aconteça com paciência e tranquilidade. É daí que surgem as brigas e falta de acerto após o acidente. Você sabe como agir em casos de acidentes? Para onde ligar, como buscar auxílio do seguro, quais as providências legais quando envolvem danos materiais e pessoais? Preparamos um post totalmente explicativo que servirá como um bom guia para você nessas situações indelicadas. Confira. Eu preciso de um seguro contra acidentes de automóvel? Se você já começou se fazendo essa pergunta ou chegou até aqui justamente porque não sabe se o seguro de automóveis é a melhor saída, garantimos que sim, você precisa ter um seguro para seu carro. Observe, principalmente, as especificações do seu seguro para evitar o bloqueio do uso por quaisquer motivos. É preciso saber quais as coberturas que o seu seguro automóvel precisa ter para pagar exatamente pelo serviço que está dentro do seu perfil como motorista. O seguro de automóvel geralmente cobre roubo e furto, colisão, incêndio, danos a terceiros e proteção a passageiros. Sem esses serviços assegurados por um plano...